“Se deixou levar por sua convicção de que os seres humanos não nascem para sempre no dia em que as mães os dão à luz, e sim que a vida os obriga outra vez e muitas vezes a se parirem a si mesmos.” (Gabriel García Márquez, em "O amor nos tempos do cólera")

24/09/2010

Festa na Bolsa de Valores, um presente pro Brasil

Alencar, Lula, Mantega e Gabrielli
"Uma festa foi feita em Wall Street, em 2000. Hoje, foi feita na Bolsa de Valores de São Paulo. A foto do “martelo” que bateram em 2000 está envelhecida. Era o martelo da vergonha nacional, da entrega de nossas empresas. A nova foto de hoje é de um Brasil soberano, que sabe o que quer e que se auto valoriza." (Walter Sorrentino)

2 comentários:

Rodrigo Rocha disse...

Eliana passei para conhecer seu blog ele é not°10, fantástico com excelente conteúdo você fez um ótimo trabalho desejo muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
Um grande abraço e tudo de bom

Ada disse...

Olá Rodrigo, agradeço sua visita e comentário. Volte sempre... outro abraço!