“Se deixou levar por sua convicção de que os seres humanos não nascem para sempre no dia em que as mães os dão à luz, e sim que a vida os obriga outra vez e muitas vezes a se parirem a si mesmos.” (Gabriel García Márquez, em "O amor nos tempos do cólera")

06/08/2009

Gatos alados, sim senhor!


A gata Jane Tabby deu sua cria num beco sujo e perigoso



E ainda mais perigoso para gatinhos tão diferentes


Misteriosamente eles nasceram com asas!

Ursula K. Le Guin, escreveu - entre tantos livros - "Gatos alados" e a "Volta dos Gatos alados", os dois infanto-juvenis. Ela é norte americana e vive em Oregon. O ilustrador é S.D.Schindler e vive na Filadélfia. Fiquei encantada com os dois livrinhos. 

A mãe gata mora num beco sujo e cheio de perigos, mas seus filhos nascem com asas e podem buscar vida melhor. A autora coloca seus personagens muito amorosos, aborda as dificuldades da vida na cidade e dá exemplo às crianças no respeito aos animais. Este achado faz parte da minha pesquisa sobre Gatos Alados. 

Eles existem de fato e é por um "defeito", digamos assim, genético da pele de alguns gatos, que a faz esticar por qualquer puxão (no ato sexual, por exemplo) e se transforma em cartilagem, imitando uma asa. Este assunto está me consumindo! Em breve trarei mais informações e histórias sobre tão interessante fato! 

Por enquanto, curtam algumas ilustrações dos gatinhos anjos (lindos) do livrinho que "devorei" em meia hora e recomendo para quem é gatófilo! Muito fofo!


"Gatos Alados" e "A volta dos gatos alados" de Ursula K.Le Guin com ilustrações de S.D.Schindler, Editora Ática. Brochura com 45 páginas e 52 páginas respectivamente.

Mais postagem: http://coisasdeada.blogspot.com.br/2009/08/gatos-com-asas-quem-sao-eles.html

2 comentários:

Elenara Stein Leitão disse...

Pois quando li me lembrei de ter visto algo assim na internet e fui pesqusiar no google e SIM encontrei exemplos,especialmente na China. Seria muito útil para mim que moro no nono andar ter um gato com asas...

Beijos

Elenara

Yumi disse...

o_O

Nossa, existe mesmo isso??? Realmente nunca ouvi falar! Mas depois de procurar no google eu vi os relatos... Um defeito genético bem raro né? Mas será que atrapalha eles em alguma coisa? Deve ser um saco ter "as asas" arrastando qdo anda...