“Se deixou levar por sua convicção de que os seres humanos não nascem para sempre no dia em que as mães os dão à luz, e sim que a vida os obriga outra vez e muitas vezes a se parirem a si mesmos.” (Gabriel García Márquez, em "O amor nos tempos do cólera")

11/07/2011

Feliz aniversário para mim


4 comentários:

Elenara Stein Leitão disse...

Vindo aqui participar da festa. Amei o bolo, amei teu rosto olhando o bolo e adoro saber que tu existe. Que tem o carinho de mandar cartões escritos a mão e pelo correio. Que ama gatos, ama seres humanos. É generosa e acredita ser possível. Gosta da Lua. Tem uma alma grande. E é uma guria tri legal !
Feliz Aniversário
beijos
Elenara

Ada disse...

Oi amiga Elenara querida, gostas desse meu jeito, porque és igual! Somos da mesma tribo! Não sei se grande ou pequena, nem importa! Obrigada sempre. Beijos

Anônimo disse...

PRIMA, UM TOSTÃO PELOS SEUS PENSAMENTOS AO CONTEMPLAR ESTE BOLO FEITO PARA COMEMORAR UMA DATA TÃO SIGNIFICATIVA. AH...JÁ SEI: PENSA Q É UM SER HUMANO MARAVILHOSO E QUE PODE AINDA SER MELHOR! PELO SEMBLANTE, VEJO Q ESTÁ SATISFEITA, TRANQUILA...É ISSO!, VÊ MUITA LUZ AINDA EM MUITOS E PRÓSPEROS ANOS.
FELICIDADES!

LÍGIA

Ada disse...

Ah...esqueci de dizer que completei 57 anos..