“Se deixou levar por sua convicção de que os seres humanos não nascem para sempre no dia em que as mães os dão à luz, e sim que a vida os obriga outra vez e muitas vezes a se parirem a si mesmos.” (Gabriel García Márquez, em "O amor nos tempos do cólera")

30/12/2011

Doce de banana com chocolate e canela

Férias e guloseimas são coniventes. E guloseimas caseiras, daquelas bem simplesinhas como a rabanada que fiz ontem, são especiais, porque lembram brasilidades, coisas de mãe e vó... pelo que espero ser também lembrada. Há coisa melhor que registrar essas sensações de bem estar que nos ficam desde a infância? Hoje fiz um doce de banana com chocolate e canela, que é uma especialidade aqui em casa.


Ingredientes:


12 bananas bem maduras
1 colher de açúcar para cada banana
1/2 colher de chocolate (do padre) para cada banana 
canela em pau
canela em pó


Modo de fazer:


Descasque as abananas e ajeite-as lado a lado numa frigideira alta.
Coloque o açúcar por cima delas, aleatoriamente, e ligue o fogo.
Polvilhe também o chocolate em pó e deite a canela em pau.
Deixe borbulhar e quando a banana estiver derretendo, mexa com a colher, vigorosamente, para desmanchá-las. Tudo isso em fogo baixo.
Quando a banana estiver derretendo suba o fogo e continue batendo vigorosamente com uma colher de pau, até que se forme um creme. Se ficar pedacinhos, não se preocupe, pois fica delicioso do mesmo jeito!
Quando começar a desprender do fundo da frigideira, acrescente a canela em pó a gosto e desligue.


Guardo em compoteira, na geladeira. (quando sobra, é claro!)


Sirvo com queijo branco mineiro.


Supimpa!


em fogo baixo deixe cozinhar a banana já com açúcar , chocolate em pó e canela em pau

quando começar a desprender da panela, aumente o fogo e bata vigorosamente para desmanchar a banana




Sirva frio, com queijo branco tipo mineiro

Nenhum comentário: