“Se deixou levar por sua convicção de que os seres humanos não nascem para sempre no dia em que as mães os dão à luz, e sim que a vida os obriga outra vez e muitas vezes a se parirem a si mesmos.” (Gabriel García Márquez, em "O amor nos tempos do cólera")

23/07/2014

Tempo Frio

Vamos inverno! 
Passe logo! 
Sei que és necessário, 
mas és uma passagem
difícil prá mim...


***

Tempo Frio

O vento frio que me sopra a face
quis que eu me desesperasse.
A gota de gelo mais paralítica
faz-me escorrer nas bochechas,
a verdade que o frio me traz.
Trazendo-me coisas que o vento
soprou pra longe,
o carregado tempo que corre
pra quem ainda se esconde.
Tempo,tempo,tempo.
O tempo é frio.
O tempo não tem pena de te congelar.
Perdem-se aqueles que
não conseguem se aquecer.
E pra não me perder,
vou abraçar-te e do tempo frio esquecer.

Bia Lima
Petrópolis - RJ

Nenhum comentário: