“Se deixou levar por sua convicção de que os seres humanos não nascem para sempre no dia em que as mães os dão à luz, e sim que a vida os obriga outra vez e muitas vezes a se parirem a si mesmos.” (Gabriel García Márquez, em "O amor nos tempos do cólera")

22/09/2009

Um dia sem carro: vamos de bike?

Ah tá! 

Hoje é o Dia Mundial sem carro! Mas enquanto isto em Sampa...

É promovido um desafio que acontece desde 2006, sempre na quinta-feira anterior ao 22 de setembro. E em todos os anos, o horário de saída e trajeto são os mesmos. A largada foi dia 17 às 18h na Praça General Gentil Falcão, no Brooklin. O objetivo era chegar o mais rápido possível, sem desrespeitar as regras de trânsito, até a sede da Prefeitura de São Paulo, no Viaduto do Chá.

Olha só o ranking:

1° lugar: bicicleta sem marchas... 22min33s
2° lugar: moto... 25min
3° lugar bicicleta de novo ... 25min30s
4° lugar: helicoptero... sei lá..
5° lugar ciclista de novo ... 37min
6° ciclista (ainda) ... 38min20s
7° motoboi... 42min28s
9° pedestre (correndo) ... 92min
10°trem+metro... 99min min
11° onibus...71 min
12° carro...82 min

ÚLTIMO COLOCADO: integração onibus metro ...101min

Bom, em Sampa é impossível ir trabalhar de bicicleta, nem preciso argumentar. Como as outras opções mais velozes também estão fora de cogitação em nossa rotina, nos resta lutar por um transporte público melhor, ruas asfaltadas e devidamente sinalizadas. Meu carro está todo ralado por causa dos motoqueiros, verdadeiros enxames de capacetes e botas, preparados para o que der e vier, mirando seu espelho. Tenho um pneu rasgado e remendado, sabe deus em qual buraco, prejuizo de 100 paus, no minimo. O estresse e a fumaça que me assolam diariamente, nem dá para medir os índices, a não ser pelo mau humor da segunda-feira. Outra alternativa é sonhar com Sampa cheia de ciclovias...

Kassab, a gente sabe que Sampa piorou muito no seu governo. O desafio "comemorativo" do dia sem carro, é um incentivo à reflexão e é válido, porém meu caro, o senhor tem de dar um jeito nesta cidade ou então retire-se e deixe alguém mais preocupado conosco, governar! Ah, se fosse a Marta, os jornalões já tinham promovido seu impeachman!

Aproveito para indicar um blog do bem, dedicado à bicicleta e ao desenho, encontrado ao acaso nas minhas andanças. (Ada,22/9/2009)



http://igualvoce.wordpress.com/

Nenhum comentário: